Tenacidade Acadêmica

Técnicas para promover o aprendizado a longo prazo.


Em uma pesquisa nacional sobre o abandono escolar feita nos Estados Unidos, 69% dos alunos disseram que a escola não os inspirou a trabalhar duro. A verdade é que muitos dos alunos que permanecem na escola também não estão motivados ou inspirados, e quanto mais tempo os alunos passam na escola, pior fica! E isso acontece no Brasil também. Ao longo dos anos, tivemos muitas tentativas para melhorar a educação do nosso país, mas a maioria das reformas educacionais focou no material a ser ensinado, seja no currículo dos alunos, seja na formação inicial dos professores. O problema? Pesquisas mostram que isso é insuficiente.


Fatores psicológicos - também chamados de fatores motivacionais ou não cognitivos - podem ter importância ainda maior do que fatores cognitivos para o desempenho acadêmico dos alunos, além de serem ferramenta promissora para garantir equidade na educação. Estes incluem as crenças dos alunos sobre si, sobre a escola ou seus hábitos de autocontrole. A boa notícia é que estamos indo na direção certa, já que os fatores não cognitivos foram incluídos nas 10 competências gerais da Base Nacional Comum (BNCC). Mas não podemos parar por aqui!


A pesquisa citada mostra que iniciativas educacionais focadas em fatores psicológicos podem transformar a experiência dos alunos na escola, melhorando o desempenho acadêmico meses, e até anos, mais tarde. Talvez agora você esteja pensando: não é possível que só a mudança de mentalidade possa melhorar as escolas carentes, com recursos insuficientes e com baixo rendimento escolar. É, sem dúvida, importante fornecer aos alunos recursos materiais e humanos. No entanto, abordar a psicologia do aluno também é crítico e pode estimular os alunos a aproveitar as oportunidades de aprendizagem que já existem em seu ambiente escolar.


Assim, enquanto continuamos a lidar com desafios do sistema educacional, podemos ajudar diretamente os alunos a se tornarem mais motivados e bem-sucedidos. Como? Listamos a seguir algumas ações, baseadas em pesquisas e evidências, que podem ser aplicadas em sala de aula.




#HabilidadesSocioEmocionais #FormaçãodeProfessores

0 visualização

EU ENSINO

Conectando experiências, desenvolvendo líderes.

  • Facebook Basic Black
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • LinkedIn
  • Twitter