Ensino à distância com a Educação Infantil

Dicas para ajudar na adaptação com turmas pré-escolares


Os desafios com as crianças pequenas podem ser ainda maiores quando se trata de ensino remoto, mas existem algumas estratégias que podem ajudar os professores a manterem o vínculo e continuarem colaborando para o aprendizado dos seus alunos.


Maddi Bodine, uma professora estadunidense, conta o choque que foi sair na sexta-feira da escola e deixar todos os seus materiais lá para, no final de semana, receber a notícia de que a escola não mais abriria por conta da pandemia do novo coronavírus. A semana que se seguiu foi uma correria, como bem sabemos que aconteceu com todos os professores, mas, com o tempo, as adaptações se tornaram mais tranquilas.


Compartilhamos aqui algumas dicas para ajudar professores da Educação Infantil a otimizarem sua interação com as crianças no formato remoto:


1. Use plataformas de reuniões: caso suas crianças tenham acesso e os pais tenham disponibilidade, ter encontros por meio do Google Meets, Zoom ou outra plataforma semelhante pode ser uma ótima ideia para manter a interatividade tanto entre alunos quanto entre você e os estudantes.


Ao ver os rostos das pessoas, os alunos podem ter suas ansiedades aliviadas e manterem a conexão com a escola. Compartilhar sua tela para desenvolver atividades de musicalidade ou apresentação de cores e números pode também ser uma ótima maneira de aproveitar esse espaço!


Uma alternativa para esse tipo de interação é o uso de cartões de conteúdos, já apresentado aqui no blog nesse post. Os cartões podem ser adaptados, especialmente se combinados com áudios e mensagens. Você pode tanto incluir fotos ou vídeos seus relacionados à aula quanto pedir que os pais façam essa intermediação com você. Sabemos que não é a mesma coisa, mas a experiência que temos tido no projeto Eu Ensino de Casa tem mostrado que é uma alternativa interessante! Confira ao final desse artigo um exemplo de cartão produzido para a educação infantil.


2. Use itens que as crianças já estejam acostumadas: pense nas atividades que você desempenha com seus alunos em aulas presenciais e com quais materiais eles costumam interagir. Veja como você pode estimular o uso de materiais e conteúdos iguais ou semelhantes nas atividades de ensino remoto, como desenhos para colorir, músicas que eles já conheçam, livros, lápis e brinquedos.


Isso ajudará os alunos por trazer mais consistência no formato das aulas, fazendo com que se adaptem de maneira mais tranquila às aulas remotas e ajudando para quando voltarem às aulas presenciais.


3. Envolva a família em atividades periódicas: contar com o apoio da família é crucial em todas as etapas da educação, mas na Educação Infantil essa característica é ainda mais evidente. Envolva-os em atividades de desenvolvimento da linguagem, habilidades motoras e/ou de entendimento relacionadas ao tema que estiverem trabalhando e peça, por exemplo, para enviarem para você fotos ou vídeos das crianças. Dê também uma devolutiva, seja nas reuniões, seja por mensagem.


Tenha certeza de que as famílias sabem como e o que fazer. Dê instruções claras e, se necessário, dedique atenção especial aos pais e familiares que tenham maior dificuldade. Criar ou fortalecer laços com a família é uma atitude que, com certeza, trará bons frutos para toda a trajetória escolar da criança. E podemos encarar esse momento, em que a maioria está mais conectada por conta do distanciamento físico, como uma oportunidade para aprofundarmos esse vínculo.


4. Inclua especificações para cada interação: caso sua turma tenha crianças com diferentes níveis de desenvolvimento, uma ideia interessante é pensar em cada atividade de modo a não deixar ninguém de fora. Um exemplo é, em uma atividade para trabalhar com cores, para os que já falam você colocar perguntas (que cor é essa?) e, para os que não falam ainda, colocar as cores e pedir para o aluno indicar (onde está a cor amarela?).


Reforçamos aqui a necessidade de explicar com clareza para os pais e familiares o que e como devem desenvolver as atividades!


5. Convide pessoas da escola para participar das aulas: nas aulas presenciais os alunos têm contato com diversas pessoas. Professores auxiliares, assistentes que distribuem o lanche, coordenadores… Uma ideia interessante é tentar incluir essas pessoas nas interações com os alunos, a fim de tornar a experiência do ensino remoto ainda mais significativa e próxima da realidade do ensino presencial.


Se não der para participarem todos juntos em uma ligação por vídeo, você pode pedir para essas pessoas gravarem um vídeo com um recado especial para os alunos. Assim, eles se sentem acolhidos e em contato com essas pessoas que geralmente estão tão presentes na vida escolar deles.


6. Atenção especial para alunos novos: se para os familiares de alunos já acostumados com a escola o ensino remoto tem sido desafiador, para novos alunos a sensação pode ser ainda mais complicada. Fazer uma reunião inicial individual com os responsáveis desse aluno, bem como com a própria criança, pode ajudar. Procure conhecer as dificuldades envolvidas para que, assim, consiga atendê-los da melhor maneira.


7. Lembre-se de explicar as razões pelas quais as crianças não podem ir para a escola: ajude-as a compreender o que está acontecendo, não para assustá-las, mas para torná-las mais tranquilas com a ideia de ficar em casa e cuidar da higiene. Aqui os cartões também podem ser úteis, como é o caso do exemplo que temos ao final deste artigo.


Esperamos que esse artigo tenha sido útil para dar novas ideias e acalmar você com relação ao ensino remoto com a Educação Infantil. De modo nenhum queremos dizer que ela substitui a interação presencial, mas sim que isso não precisa ser razão de estresse e preocupação em excesso. E estamos todos torcendo para que a gente possa voltar para as aulas presencias logo e com segurança!


E você, tem interagido com seus alunos? Como eles têm reagido? Conta pra gente nos comentários!

Referências:


BODINE, Maddi. “Making Learning at Home Work for Preschool Students”. Edutopia, Julho de 2020. Disponível em: https://www.edutopia.org/article/making-learning-home-work-preschool-students




281 visualizações

EU ENSINO

Conectando experiências, desenvolvendo líderes.

  • Facebook Basic Black
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • LinkedIn
  • Twitter